Grêmio Libertador

O Mago, o mestre e o aprendiz

Romildo Bolzan(Mago), Renato(Mestre) Gaúcho e Tetê(Aprendiz)
O Mago, o mestre e o aprendiz

O futebol tem disso, criar personagens, fazer rir e chorar, mas a lição vinda esta semana do vestiário, foi digna de uma trilogia de Jorge Lucas. Romildo e Renato vem demonstrando um entrosamento fora do comum na gestão do futebol, claro tem nosso diretor executivo Klauss Câmara, mas as entidades tricolores são o Mago e o Mestre.

Desde que assumiu como treinador pela terceira vez, Renato nunca esteve tão afinado com a diretoria, não vemos declarações contrárias, não conformidades no vestiário com o executivo, tudo acontece de maneira velada e estrategicamente pensada. Renovações, contrações e dispensas, tudo parece ser orquestrado sem retoques entre as partes e a última demonstração disso foi o caso Tetê “vejo na ucrânia”(foi ruim essa, eu sei).

Moleque era(é) maior promessa da base do Grêmio, joia rara, com certeza veremos ele em um grande europeu ainda, mas essa negociação foi algo a se comemorar. Claro, queria muito ver esse guri entortando no profissional, mas parece que o Renato e Romildo mediram o quanto seria difícil gerenciar todo esse explosivo em um grupo já formado e azeitado.

– Bah! Mas craque tem espaço em qualquer lugar

Isso é verdade, mas não fazendo esse barulho, fazendo exigências e impondo condições.

Além do dinheiro nos cofres do Grêmio, Tetê continua sendo um ativo do clube e jovem do jeito que é, será com certeza negociado com um grande europeu e aqueles 15% do Grêmio, posso apostar, será maior que esses 42 milhões de reais que entraram na conta.
Com todo esse roteiro formado para uma trilogia, Renato deixou claro que o capítulo I foi do Mago e do Mestre deixando a continuação para quem sabe, mais um blockbuster ali logo adiante.

Da lhe Grêmio, sempre!

O post O Mago, o mestre e o aprendiz apareceu primeiro em Grêmio Libertador.

Leia a notícia completa aqui:

http://www.gremiolibertador.com/o-mago-o-mestre-e-o-aprendiz/